Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2017

BUDISMO E A DECLARAÇÃO DE CAMBRIDGE SOBRE A SENCIÊNCIA ANIMAL

Imagem
Da esquerda à direita: Ani Ngawang Samten, Dalai Lama e Lama Zopa Rinpoche
Budismo e a Declaração de Cambridge sobre a Senciência Animal
29 de fevereiro de 2016 às 22:00Artigo: Buddha Weekly (Tradução: Dhamirah Hashim/ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais Um grupo internacional de neurocientistas cognitivos e outros especialistas de destaque fizeram uma declaração forte, endossada por Stephen Hawking, afirmando que todos os “animais não-humanos… incluindo polvos” são sencientes e sentem emoções como medo e felicidade. Na Argentina, um orangotango ganhou direitos não-humanos contra seu tratador do zoológico. Recentemente, nos jornais, um macaco ganhou os direitos de uma foto selfie sobre o proprietário da câmera. O avanço em direitos não-humanos suscita a questão, do ponto de vista budista, quando temos a promessa de libertar todos os seres sencientes – ou não matar – quem é que incluímos? Se a nossa definição inclui todos os seres até insetos e polvos, como podemos reconciliar no…